Deprecated: Elementor\DB::is_built_with_elementor está obsoleto desde a versão 3.2.0! Use Plugin::$instance->documents->get( $post_id )->is_built_with_elementor() em seu lugar. in /home/u840154243/domains/pressaoalta.com.br/public_html/wp-includes/functions.php on line 5211
Dieta para hipertensão: o que comer e o que evitar - Pressão Alta

O site Pressão Alta é um portal de conteúdo de saúde e bem estar.

Dieta Hipertensão

Dieta para hipertensão: o que comer e o que evitar

Para a manutenção de uma boa saúde, é preciso focar em uma dieta saudável e que forneça os devidos nutrientes e componentes capazes de efeitos positivos para o bem-estar. Os pacientes hipertensos, entretanto, precisam ter alguns cuidados a mais.

A pressão alta pode trazer muitos riscos à saúde, como a possibilidade de um AVC ou infarto. Por isso, os pacientes que lidam com essa questão devem adotar uma alimentação mais saudável, prezando por alguns alimentos e descartando outros.

Para entender quais são os alimentos que devem ser priorizados e os que precisam ser evitados, continue lendo:

Como a dieta influencia na hipertensão?

A alimentação é o principal meio de inferir nutrientes, minerais e outros componentes que são importantes para a saúde, mas que devem ser equilibrados, como o sódio e o potássio. Para que a pressão arterial esteja adequada, estes itens devem ser controlados e acompanhados.

O sódio e o potássio são responsáveis pelo transporte de água para o interior das células que compõe o organismo humano. Outro papel importante desses dois agentes é em relação aos impulsos nervosos na contração muscular, incluindo aqui o coração.

Dessa forma, há uma importância muito maior em regular os alimentos que contem com estes componentes e outros, de modo que haja uma segurança na alimentação para garantir uma boa saúde, com uma dieta correta e que seja balanceada.

Alimentos que devem ser consumidos pelos hipertensos

Para manutenção da pressão arterial em níveis seguros, é necessário investir em uma alimentação balanceada e que priorize alguns alimentos específicos. Isso acontece porque a pressão alta pode acarretar problemas maiores devido ao prejuízo que traz ao sistema circulatório.

Alinhado a este aspecto, outros cuidados devem ser levados em consideração, como os níveis de colesterol e sódio. A alimentação ajudará a conseguir muitas melhorias nesse sentido e alguns alimentos são essenciais para os hipertensos.

  • Frutas: ricas em vitaminas e antioxidantes;
  • Legumes: ricos em fibras;
  • Grãos: fonte de fero, cálcio, proteína e fósforo;
  • Leite e derivados: fonte de cálcio;
  • Peixes e carnes magras: ômega 3 e proteínas;
  • Ervas: antioxidantes, anti-inflamatórias e calmantes;
  • Aveia: fonte de fibras.

Quais alimentos não são recomendados para hipertensos?

Em contrapartida, alguns outros alimentos que podem ser comuns na alimentação da maioria das pessoas não são recomendados para os hipertensos porque seus efeitos trarão sensações negativas e são vistos como verdadeiros vilões para o aumento da pressão.

  • Alimentos com excesso de sal (cloreto de sódio);
  • Carnes processadas (salame, bacon e salsicha);
  • Alimentos ultraprocessados (caldos de legumes e carnes, molho shoyu sucos de caixinha);
  • Produtos em conserva ou enlatados;
  • Álcool;
  • Salgadinhos a base de milho e batata.

Como o hipertenso pode adotar uma dieta saudável?

O indicado é que os pacientes que sofrem de pressão alta e hipertensão procurem por profissionais adequados para que eles possam criar uma dieta completa e que ajudará a entender quais alimentos são melhores para as suas condições e o construir um cardápio variado.

Esse processo de adoção de uma dieta mais saudável é feito de uma forma muito individualizada. Portanto, cada pessoa ao procurar os profissionais do ramo passará por exames que detectarão o que é melhor para a sua saúde.

Mas para iniciar esse processo, priorize os alimentos citados no seu dia a dia e evite o consumo de sal em excesso, utilizando ervas e temperos naturais para dar mais sabor aos alimentos, de modo que não seja sentida a necessidade de aumentar o sal.

Outro ponto muito importante é que alinhado com a dieta, os pacientes hipertensos devem ter ciência de que a água será uma aliada importante. Por isso, consuma quantidades adequadas diariamente.

Quais são as porções corretas dos alimentos?

Os pacientes que enfrentam a hipertensão, em geral, passam pela chamada Dietética para Frear Hipertensão. Esse procedimento foi criado ainda na década de 1990 e se baseia em vários estudos científicos americanos, com a finalidade de reduzir a pressão arterial.

Existem outros benefícios dessa prática, como o emagrecimento e o equilíbrio do peso. Mas o foco essencial é o controle da hipertensão. Assim, esse tipo técnica conta com porções que são estabelecidas para beneficiar a alimentação do paciente.

De acordo com a essa prática, cada alimento terá uma porção correta, como carnes magras, peixes e frango, que é indicado duas porções diárias. Entretanto, é preciso consultar um profissional para se informar e entender a respeito da DASH, de modo que ela possa te beneficiar.

Por isso, é importante que os pacientes hipertensos sempre estejam atentos às medidas que podem ser tomadas e contar com um profissional especializado pode ajudar muito nesse processo de mudança na alimentação.

Lembre-se que sempre é importante você procurar um profissional para ter uma dieta compatível com sua saúde.

Quer saber mais sobre assuntos como este? Acesse a nossa página no Instagram e fique por dentro de tudo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *